Cidade & Região

Expresso Patrocinio

Patrocinio

20160204045045

VEICULO LOCALIZADO: Em Patrocínio, na data de 27 de Fevereiro de 2016, por volta das 22h17min, durante patrulhamento os militares depararam com o veículo VW Gol, de cor branca, placas GUI – 4746 – Patrocínio – MG, transitando na Rua Coronel Elmiro Alves do Nascimento próximo à Praça Santa Luzia. O veículo havia sido furtado de frente ao hospital Santa Casa. Os menores infratores que estavam no veículo foram apreendidos e conduzidos para a Delegacia de Polícia Civil. O veículo foi restituído para a vítima.

SEQUESTRO E CARCERE PRIVADO – CONSUMADO: Em Patrocínio, na data de 23 de Fevereiro de 2016, por volta das 17h30min, a Polícia Militar foi acionada e compareceu ao Pronto Socorro Municipal, onde a vítima, M. H. M. J., 22 anos, havia dado entrada com algumas escoriações pelo corpo e em estado de choque. Vítima estava desaparecido e relatou que deslocava da cidade de Uberlândia a Patrocínio em seu veículo FIAT/Palio, placas HJL-4165, quando foi abordado por três indivíduos encapuzados, que adentraram em seu veículo e seguiram para a zona rural em uma chácara, não sabendo precisar a localização, sendo seguido por outro veículo. Os autores lhe agrediram com chutes e socos e o deixaram amarrado na residência da chácara desde o dia 24/02/16, quarta-feira, e que dois dos autores estavam encapuzados e o terceiro era um indivíduo moreno, baixo, magro e jovem e que na manhã do dia 27/02/2016 conseguiu se soltar, saiu da residência e encontrou seu veículo ainda com as chaves, não deparando com nenhum dos autores. Vítima deslocou no veículo para Patrocínio engarajando e procurou atendimento médico. O Fiat/Palio estava com sinalização furto/roubo, devido ao REDS do desaparecimento da vítima, já que na ocasião estava de posse do mesmo. Foi realizada busca no veículo e nada de anormal foi encontrado, sendo restituído a vítima.

ROUBO CONSUMADO A ESTABELECIMENTO COMERCIAL: Em Patrocínio, na data de 28 de Fevereiro de 2016, por volta das 01h09min, a Policia Militar foi acionada e compareceu à Rua Nhonho Paiva, bairro Santa Terezinha, onde segundo vítima, E. R. S., 29 anos, funcionária da “Pizzaria da Tia Luzia”, ao recolher as mesas da pizzaria, que estavam na calçada, foi surpreendida por um indivíduo armado com um revólver, calibre .38, de cor preta. O indivíduo estava trajando calça jeans, blusa de moletom de capuz, de cor verde e boné preto ordenando a vítima entrar na pizzaria anunciando o assalto conduzindo todos para a cozinha e ordenando que deitassem no chão. Foi até o caixa e subtraiu R$40,00 e não satisfeito quebrou algumas garrafas e ameaçou a proprietária exigindo mais dinheiro. Segundo a senhora L. F. S., 62 anos, após o autor pegar o dinheiro do caixa, este ele ameaçou as vítimas de morte caso ela não entregasse mais dinheiro para o autor, um total de aproximadamente R$1500,00 reais e o seu aparelho celular. Na saída o autor ainda pegou as chaves da Motoneta da vítima E. R. S., e a carteira da vítima M. A. B., 31 anos. Segue rastreamentos com o intuito de localizar/prender autor, bem como recuperar os bens subtraídos.

ROUBO A MAO ARMADA CONSUMADO (ASSALTO) A TRANSEUNTE:  Em Serra do Salitre, na data de 28 de Fevereiro de 2016, por volta das 00h10min, a Policia Militar foi procurada pela vítima, V. S. G., 40 anos, o qual relatou que havia sido vitima de roubo por volta das 00h10min, próximo ao Terminal Rodoviário, momento em que 04 autores chegaram e de posse de uma faca anunciaram o assalto levando R$ 200,00 reais, um celular e diversos documentos pessoais. Foi acionado reforço policial e após levantamentos foi localizado um menor infrator, o qual confessou a autoria do delito, sendo ainda reconhecido pela vítima.  Após novas diligencias foram localizados mais 03 autores do roubo e ainda o aparelho celular, que estava na posse do autor M. J. S. F., 18 anos. Na residência do autor W. H. O., 20 anos, foram localizados R$50,00 reais e a faca utilizada na ação. Diante o exposto os 02 autores/02 menores infratores foram presos/apreendidos e juntamente com os materiais apreendidos, foram conduzidos à Delegacia de Polícia Civil.

HOMICÍDIO TENTADO: Em Patrocínio, na data de 28 de Fevereiro de 2016, por volta das 20h10min, a Policia Militar foi acionada e compareceu à Fazenda Makena, onde a vítima A. D. S., 29 anos, encontrava-se inconsciente, com vários ferimentos e perdendo muito sangue, sendo de imediato socorrido pelo Corpo de Bombeiros Militar. Testemunhas relataram que a vítima é moradora da Fazenda; e que a vítima chegou em um Fiat uno, seguido por um veículo VW gol, e que de repente ambos condutores entraram em luta corporal, o que ocasionou  as agressões e posteriormente na fuga dos autores no FIAT UNO e no VW GOL. As informações foram repassadas para os demais integrantes do turno, sendo que em dado momento um veiculo FIAT UNO foi avistado, seguido pelo veiculo GOL, próximo ao bairro Serra Negra, o qual ao avistarem as guarnições evadiram-se. A vítima A. D. S., ao sair do FIAT UNO, veio a dispensar ao lado do veículo uma faca ensanguentada  evadindo em desabalada carreira em meio a um cafezal. Após contato da Policia Militar, no local do acidente de transito, com a, esposa da vítima A. D. S., esta fez contato telefônico com seu esposo, sendo que este deslocou de onde estava e se apresentou aos PMs, o qual relatou sua versão. Já o autor R. A. S., 28 anos, foi abordado pelos integrantes de uma guarnição na estrada do bicão, aos fundos do bairro Serra Negra, na condução do veículo VW GOL. Segundo versão dos autores, o veículo Gol, de propriedade da vítima A. D. S., estava estacionado em via pública, em Patrocínio, quando a vítima, conduzindo o FIAT UNO, ao manobrá-lo, chocou-se contra o veículo Gol. Os proprietários acordaram que não acionariam a Polícia. A vítima A. D. S.,  deslocou até o veículo FIAT UNO, com a vítima conduzindo-o até a portaria da Fazenda Makena, local do fato, e autor R. A. S., logo atrás conduzindo o veículo da vítima A. D. S.,. No local, a vítima teria se exaltado e começado a agredir o autor R. A. S.,  e a vítima A. D. S., o que gerou uma “legítima defesa” que acabou convertendo-se em uma agressão com tijolos, pedaço de cabo de vassoura e uma faca com serra, sendo os dois últimos objetos apreendidos. Tais agressões geraram ferimentos corto – contusos no crânio, e seis perfurações no tórax, uma no pescoço, e outra no lado direito do abdômen da vitima. O perito Cleomar foi acionado e compareceu ao local do crime, realizando seus trabalhos técnicos. Os veículos foram removidos para o pátio credenciado. O estado clínico da vítima é gravíssimo, conforme guia de atendimento 1576/00 da Santa Casa de Misericórdia de Patrocínio. Diante o exposto os autores foram presos em flagrante delito e conduzidos à Delegacia de Polícia Civil, para providências subsequentes. Por volta das 00h16min, do dia 29 de Fevereiro de 2016, e após o encerramento e recebimento do reds, a sala de operações recebeu uma ligação da Santa Casa informando que a vítima havia falecido, sendo encerrado o registro como homicídio tentado e a mensagem condicionada conforme boletim de ocorrência.

AMEAÇA/ DESACATO: Em Guimarânia, na data de 29 de Fevereiro de 2016, por volta das 00h00min, a Polícia Militar foi acionada e compareceu ao Pronto Socorro Municipal de Guimarânia, pelos funcionários de plantão. No local, o médico plantonista informou que uma criança, havia dado entrada na Unidade de Saúde, trazida pela mãe, em estado de coma alcoólico. Em conversa com a mãe da criança, esta relatou que deixou sua filha sozinha em sua residência, e foi comemorar o aniversário de sua outra filha em um rio/córrego. Em conversa com a tia da criança, autora C. A. S., 50 anos, a qual relatou  que é vizinha da criança, e que não sabia que sua mãe havia deixado a criança sob seus cuidados. Durante o desenrolar da ocorrência, C. A. M., e C. A. S.,  passaram a ameaçar a equipe policial, com os seguintes dizeres: “sou cigana e vou matar vocês, de amanhã vocês não passam, vocês não sabem com quem vocês estão mexendo, vou comprar uma pistola e vou acabar com a vida de vocês, a polícia é o mal da sociedade, vamos matar vocês quando vocês tiverem indo embora, na madrugada, na calada da noite, na surdina”. Diante do narrado, o conselho tutelar foi acionado e acompanhou parte da ocorrência policial, foi dado voz de prisão às autoras por ameaça. A criança vítima dos fatos foi deixada no Pronto Socorro Municipal, a qual recebeu atendimento médico ficando aos cuidados das conselheiras tutelares. No momento da ocorrência a autora C. A. S.,  ligou para seus parentes, pedindo para que fossem ao Pronto Socorro, com a objetividade de que eles tomassem os presos da Polícia Militar. Durante a condução dos presos até a Delegacia de Plantão em Patrocínio, a equipe policial recebeu ligações dando conta de que os parentes das presas estavam praticando direção perigosa na cidade de Guimarânia. Diante da situação, foram acionados os militares de descanso, sendo abordado o autor C. M. V., 25 anos (esposo de C. A. S.) que havia deslocado até a Unidade de Saúde ameaçando os funcionários, dizendo que “iria matar todos eles, que voltaria logo em seguida com uma arma de fogo e que o bicho ia pegar”. Em ato contínuo o autor C. M. V., adentrou no veículo GM/VECTRA, placas DFH-4932, e continuou passando próximo à Unidade de Saúde, como forma de intimidar a equipe de plantão. O autor C. M. V., foi abordado conduzindo o veículo, sendo preso pelo crime de ameaça e conduzido à Delegacia de Polícia Civil. Ao ser fiscalizado os documentos de porte obrigatório foi constatado que o autor é inabilitado, sendo lavrado um AIT, e como não apresentou um condutor devidamente habilitado, o veículo foi removido ao pátio do Auto Socorro Alvorada.

Deixe um comentário