Entretenimento

Mãe – Esmeraldino Inácio dos Reis

Mãe,
Tô te escrevendo pra contar que eu, moro no Bairro Europeu
na grande terra da garoa
Mãe, quero dizer que conquistei medalhas, perdi lutas mais ganhei batalhas
trabalhei muito e não fiquei a toa
Mãe, eu choro muito a falta do meu pai, sinto saudades e a vida vai
Vai me levando rumo ao caminho certo
Mãe, essa distância que separa a gente, machuca o peito e o coração sente
a falta que você faz não estar por perto
Mãe, aqui me distraio indo ao cinema, vou ao teatro na Vila Ipanema
coisas que aí no Monte não existe mais
Mãe, quero ir correndo lá no Poço Verde, banhar em suas águas e matar a
sede
Relembrando a infância que fiou pra tras
Mãe,
Tô com saudades de Minas Gerais, dos doces de cidra que a Senhora faz
de deitar na rede sem pensar em nada
Mãe, quero ver a lua esconder na serra, sentir o chão molhado e o cheiro
de terra
Dormir no seu colo até de madrugada!

Deixe uma resposta